• O ENCONTRO

    O I Encontro Nossa Cidade Conecta é um encontro gratuito que tem como objetivo conectar pessoas e organizações que realizam impacto social.

     

    Conecte-se!

     

    Nessa primeira edição, as palestras e oficinas irão abordar os temas ​agroecologia, juventude, organização em rede, empoderamento feminino, negro e lgbt.

     

    Além das palestras, mesas redondas e oficinas, o encontro também é uma grande oportunidade para um meetup. Quer conversar sobre algum assunto ou idéia com outras pessoas? Nesse link você poderá reservar um horário e local para essas conversas no Espaço Conexão.

     

    E vai ter feirinha também!

     

    Pratique economia solidária na I Feira Nossa Cidade Conecta, que reunirá expositores de produtos e projetos sustentáteis, comunitários e de comércio justo.

    A NOSSA CIDADE

    A Associação Nossa Cidade congrega pessoas que querem desenvolver a cidade onde moram por meio do cuidado com o planeta, a comunidade e pessoas.

     

    Somos uma organização de centro vazio. Deste modo, funcionamos de forma horizontal, empreendedora e descentralizada, com pequenas reviravoltas acontecendo em cada uma das cidades na qual estamos presentes.

     

    Cada um dos associados Nossa Cidade tem sua causa própria e forma de atuação e isto se reflete no encontro. Alguns tem uma pegada maior na educação, outros na cultura, na agroecologia, saúde, e por aí vai.

     

    Empoderamos por meio do compartilhamento de conhecimentos, talentos e recursos. Nossa visão é ser o principal parceiro das cidades em sua busca por prosperidade e transformação social.

     

    Interessou? Conheça mais em www.nossacidade.net e venha bater um papo conosco durante o Conecta.

  • QUEM PASSOU POR LÁ

    Palestrantes, Oficineiros e Expositores

    RENATO OROZCO

    Idealista e empreendedor social em série

    É fundador e presidente da Associação Nossa Cidade e um dos curadores do capítulo mineiro da Awesome Foundation. Ajudou a lançar o Dia do Idealista no Brasil, assim como na criação do Fundo Aliança Brumadinho.

    LUÍSA SOUZA COSTA

    Tecnologia aplicada à estatística, empoderamento feminino e empreendedorismo​

    Graduada em Administração Pública pela Fundação João Pinheiro, e pós-graduanda em Estatística pela UFMG. Atua hoje como Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental na Secretaria de Educação de Minas Gerais. Ainda no setor público desenvolveu projetos nas áreas de Empreendedorismo e Tecnologia como Agente de Inovação pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais.

    GABRIEL FERNANDES

    TransEnem, Transvest e Equi

    Psicologo Clínico pela UFMG. Pós-graduando em Psicologia Clínica: Gestalt-terapia e Analise Existencial pela UFMG. Psicólogo voluntário nos projetos TransEnem, Transvest e Equi - Empregabilidade Trans. Psicoterapeuta e Facilitador de grupos. Membro da Comissão de Psicologia, Gênero e Diversidade Sexual do Conselho Regional de Psicologia de MG

    LAURA NAZARETH

    Tentando conquistar seu espaço e direito

    Aluna trans de engenharia ambiental.

    CÉSAR SIQUEIRA

    Produtor cultural. Ativista trans e membro Global Shapers.

    LETÍCIA BORATTO

    Tornar a vida na cidade mais sustentável

    Formada em Biologia e em formação como educadora. Gosta de escrever poesia e plantar. Valoriza a troca de saberes diversos e um caminho para que possamos levar a vida na cidade a ser mais sustentável

    MARIANA CABRAL

    Uma vida sem plástico em 2019

    Educadora que diariamente procura a arte como alimento e a sustentabilidade para viver. Trabalha com a psicologia positiva e neurociência cognitiva no desenvolvimento da estrutura cognitiva de pessoas pela Flows.

    BRUNA MIRANDA

    Um novo olhar sobre o brincar

    Formada em Psicologia e com atuação no campo clínico e educacional, trabalha em defesa da transformação do nosso modelo escolar, apontando principalmente um novo olhar sobre o brincar na infância, sendo este a base para o desenvolvimento pleno da criança.

    DOM DIN

    Batuqueiro,sambador​...

    Rômulo Márcio conhecido como “Dom Din”. Capoeirista, Agricultor urbano, promotor de Agroecologia, agente ambiental batuqueiro,sambador,feirante,

    percussionista e morador do Aglomerado Morro das Pedras em Belo Horizonte.Ligado diretamente as questões culturais e ambientais da cidade,e a valorização das manifestações Afro-brasileiras e o resgate da cultura.

    FLÁVIO

    Dread Arts

    Músico. Artesão. Rademaker. Desenhista. Aspirante a tatuador.

    LUNA POTECA

    Instrutora de Yoga formada pela Organização Internacional Ananda Marga em BH. De profunda conexão com as práticas de yoga, sabe bem de seus benefícios e sua missão é apresentar o caminho desse estilo de vida ao máximo de pessoas que lhe for possível.

    VIVIANE COSTA

    Administradora Legal

    Mestre profissional em Propriedade Intelectual e Inovação. Especialista em Design Jurídico Digital, criadora do Movimento TrampoLean, fundadora da Associação de Empreendedores - Abraesco

    DANIEL FÉLIX JUNQUER 

    Educação popular, empoderamento comunitário, tecnologias sociais

    Professor de história e aquarelista. Já lecionou em diversas escolas Brasil afora e trabalha em projetos socioambientais no terceiro setor desde 2004. É fundador da Associação Nossa Cidade e é membro da Equipe Técnica da Associação de Educação, Ecologia e Solidariedade - Amanu.

    FILIPE THALES

    Viva Lagoinha

    Morador e facilitador do Coletivo Viva Lagoinha

    DANIEL PITANGA

    Pretas em Movimento​

    É fotógrafo e cientista social. Possui trajetória tanto na militância quanto na implementação de políticas públicas em diretos humanos e juventude com recorte racial e de ações afirmativas voltadas para população negra. É integrante do coletivo Pretas em Movimento

    GRAZIANE ANDRADE

    Mudança significativa na vida de mulheres que precisam de apoio mútuo na luta por liberdade e igualdade

    Historiadora e Educadora Social, com especialização em História, Sociedade e Cidadania.

    Foi educadora social no curso do EJA em Sabará. Acompanhou o Secretário de Educação e Cultura de Ribeirão das Neves para debater e esclarecer o sistema de cotas nas Universidades Públicas brasileiras durante as comemorações pelo dia da consciência negra. É gestora do Empodera Teen

    SORAIA FELICIANA MERCÊS

    A Tuschahi Puri​

    Professora de Educação Infantil atualmente lotada na Diretoria de Políticas para a Igualdade Racial - Integrante do Movimento de Ressurgência Puri e do Comitê Mineiro de Apoio às Causas Indígenas

    DARUPÜ'ÜNA

    ITAMAR KRENAK

    Povo Krenak, de Minas Gerais, sobrevivente da lama da Samarco

    Liderança krenak. Formado na UFMG, é diretor da escola estadual na reserva indígena krenak.

    ADRIANA CARAJÁS

    Indígena da etnia Pataxó​

    É mestranda pelo Programa de Promoção da Saúde e Prevenção da Violência (Faculdade de Medicina da UFMG). Especialista em Gestão em Serviços de Saúde e em Educação Permanente em Saúde, graduada em Enfermagem. Ativista das causas indígenas e sociais.

    AVELIN BUNIACÁ

    “Para que exista a humanidade, têm que existir as diversidades”​

    Indígena,mãe, professora, socióloga. Especialista em gênero e raça, estudos religiosos, direitos humanos, direitos indígenas e direitos da Mulher

    MARCOS MUDADU

    Comunicação Não-violenta

    Administrador, servidor público, trabalha com desenvolvimento de pessoas há 20 anos e é apaixonado com práticas de gestão colaborativas e horizontais. Tem se dedicado à facilitação de grupos, comunicação não violenta e mediação de conflitos nos últimos anos, como forma de apoiar o empoderamento, a conexão e o autoconhecimento dos indivíduos.

    MICHEL ALVES

    De volta à Natureza

    Formado em Música (UFMG), é pesquisador livre sobre a Consciência e Terapias Vibracionais há 10 anos e já participou de vivências, meditações, satsangs, peregrinações e ensinamentos pela América Latina e Oriente com monges, santos e suwamis indianos. Têm formação e é iniciado pela Kriya Yoga de Babaji. É idealizador das Meditações para o Despertar do Self Coletivo. Fundou o núcleo de empoderamento social espiritual “De Volta à Natureza". Coordena grupos de assistência filantrópica, semanalmente, através das Imposições de Mãos e Meditações para o Despertar do Self Coletivo.

    LEONARDO PÉRICLES

    Luta nos bairros, vilas e favelas

    Morador da Ocupação Eliana Silva em BH. Iniciou sua militância no ano de 2000, no Movimento Estudantil Secundarista. Foi diretor de entidades nacionais como a União Brasileira dos Secundaristas -UBES e da União Nacional dos estudantes - UNE. Desde 2011 faz parte da coordenação Nacional do Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas e também preside um novo partido de esquerda em processo de legalização, a Unidade Popular pelo Socialismo.

    DIVA MOREIRA

    Luta incansável contra o racismo, por justiça e equidade racial e pelas políticas de ação afirmativa

    Jornalista e cientista política formada pela UFMG. Tem uma história de lutas de quase 60 anos. Ajudou a fundar a Casa Dandara. É pesquisadora da temática racial e desenvolve pesquisa sobre adoecimento nas escolas.

    VALÉRIA SILVA

    Mulher. Negra. Mãe. Feminista. Sambadeira. Trançadeira.

    Educadora popular, professora de dança Afro e defensora dos direitos humano. Fundadora e idealizadora do Projeto Cabelo, uma Questão de Identidade. Idealizadora do Projeto Forças Trançadas,
    Presidenta do coletivo Samba da Meia Noite. Vice presidenta da ABAFRO (Associação dos Blocos Afro de Minas Gerais)

    VÂNIA SANTOS

    Bençãos da Terra

    Pedagoga,especialista em psicopedagogia;bacharel em teologia; atualmente diretora escolar ensino fundamental I.Agricultora familiar com produção agroecológica(produtos Bênçãos da Terra.) Coordenadora do projeto farmácia viva no coletivo de mulheres negras.Segue na luta pela implantação dos fitoterápicos no SUS no município de Santa Bárbara.

    LUIZA DA IOLA

    #NOSTEMOSUMSONHO

    Cantora, compositora e arte educadora. Idealizadora do movimento artístico sociocultural “#NOSTEMOSUMSONHO” promotor de ações coletivas em prol às causas urgentes e específicas. Participa de seminários, simpósios, conferências, debates, rodas de conversa, propondo manifestações artísticas e sensibilização às escolas da rede pública, espaços acadêmicos e comunidades quilombolas. Dedica-se à pesquisa sobre influência africana na música brasileira, composição autorais e releituras, tendo como referência a música popular africana, as manifestações artísticas tradicionais e os ritmos afro-latino-brasileiros.

    ELAINE SILVA

    Zeferina

    LÉWÀ DÚDÚ

    Fortalecimento para nós e para os nossos e nossas, através da conscientização de nossa história

    É um coletivo que busca exaltar nossa identidade negra no Brasil, por meio da cultura e da música. Tendo como base o estudo de ritmos Afro Brasileiros e Africanos, acreditam neste coletivo como um lugar de fortalecimento através da conscientização da sua história, tendo África como centro. Além da afirmação de nossa ancestralidade, com as letras e conteúdos de suas músicas, buscam protestar contra a realidade desigual e a violência que ainda acomete o povo preto, visibilizando também a arte musical de personalidades negras.

    MAURA EUSTÁQUIA

    Quem ama não mata

    Jornalista formada pela UFMG, ex-reporter de O GLOBO; bacharel em Direito; especialista em Educação Ambiental pela UEMG; Especialista em Metodologias de ensino superior pela FAFI-BH; mestre e doutora em Literaturas Africanas de Lingua Portuguesa, pela Puc Minas. Feminista, membro do coletivo Quem Ama Não Mata. Professora do curso de Comunicação Social da Puc Minas.

    MARLUCIA DA CUNHA BAESSE

    Resgatando brincadeira de crianças

    Líder comunitária,poetisa,artesã,

    compositora, idealista.
    Tia lu, como é conhecida pelos adolescentes e crianças dos projetos idealizados por ela. Há 20 anos, promove trabalhos na comunidade da Vila Nova Cachoeirinha, dedicados a todas as idades. Promotora e decoradora de festas e eventos, entram em seu currículo social a promoção de um grupo de Axé com os meninos da Vila e vizinhos, rua de lazer na comunidade, arraial e os projetos Resgatei e Adolescentes também pintam

    LAURA QUESLLOYA

    Cada uma e todas juntas

    Nascida em Arequipa, Peru, vive no Brasil há mais de 12 anos. Formou-se em Nutrição. Atualmente estuda psicologia. É professora de espanhol . Desde 2017 atua no Cio da Terra, um coletivo de mulheres migrantes, refugiadas e apátridas em Belo Horizonte, que acolhe, orienta e fortalece a cada uma e a todas juntas, favorecendo a inclusão e promovendo a transformação social, por meio da promoção do senso-crítico, da autonomia e da autoestima.

    EUGÊNIA

    Educação Harmônica

    Pedagoga e Terapeuta há 20 anos. Especialista em Terapia com essências florais. Há 7 anos coordena as atividades do núcleo de círculos femininos na Educação Harmônica com o intuito de fomentar o reconhecimento e a importância dos ciclos internos e externos e a valorização da singularidade, facilitando um despertar da linguagem e expressão individuais. É pesquisadora da cultura Celta!

    DINA THERRIER

    Cio da Terra

    Veio do Haiti. É formanda em Relações Públicas pela UFMG e cursando Jornalismo na mesma instituição. Faz parte do coletivo mulheres migrantes Cio da Terra.

    CARLOS EDUARDO SISTE

    Saúde, Sociedade e Ambiente

    Agrônomo com especialização em manejo ambiental de sistemas agrícolas e mestrado em Saúde, Sociedade e Ambiente. Tem experiência com elaboração e implementação de projetos socioambientais e agropecuários. É professor dos cursos de agronomia e veterinária na faculdade Arnaldo/Fead.

    FERNANDA VIDAL

    Casa Horta

    Fernanda Vidal, engenheira de produção e filósofa, Mestre em Economia para Transição pelo Schumacher College, Inglaterra, e CoFundadora da Casa Horta, um mercado agroecológico que une os produtores rurais de Minas Gerais ao publico interessado em um mercado justo e saudável em BH.

    GUILHERME PACHECO 

    Sabedoria de pessoas integradas à natureza e aprendizados populares e observativos

    Formou-se em Nutrição e aprofundou os estudos no universo das filosofias alimentares, tais como Antroposofia, Ayurveda, Movimento Slow Food, Alimentação Viva.
    Segue seus estudos teóricos alinhado a atividades práticas de plantios regenerativos, bioconstrução, permacultura e gestão sistêmica.
    Trabalha como Nutricionista Circular na escola infantil CLIC e é Co-Idealizador do M.A.S.S.AL.A.S, uma iniciativa que recolhe e transforma os resíduos orgânicos de empresas, residencias e eventos em adubo agroecológico.

    GABRIEL MOURA

    Ciclo das Insabas

    Gestor e Produtor Cultural na Associação da Resistência Cultural Afro-Brasileira Casa de Caridade Pai Jacob do Oriente localizada no bairro da Lagoinha a mais de cinquenta anos. Embasado nos conhecimentos e saberes de tecnologias tradicionais, não cartesianas transmitidos por mestres e mestras dos costumes afro indígenas brasileiros.

    THOMAZ LANNA NEVES

    CSA Nossa Horta

    Designer nascido em Belo Horizonte, se juntou às causas da agroecologia após realizar sua pesquisa em sistemas alimentares alternativos. Atua como coprodutor e membro do Núcleo de Gestão da CSA Nossa Horta e faz parte do Coletivo Mujique.

    SAYURY MEIRELES

    Grupo Millefolium

    Enfermeira/ Farmacêutica, Coordenadora de estudos do Grupo Millefolium de plantas medicinais, do Parque Fazenda Lagoa do Nado

    MARIA CATARINA DE SOUZA

    Raizeira e Agricultora Urbana​

    JAMENY SARMIENTO

    Cio da Terra

    Nasceu em Arequipa, Peru e naturalizou-se brasileira. É formada em psicologia pela UFMG, especialista em Psicologia Clínica Gestáltica e Existencial pela FEAD. Trabalha como psicóloga, há 10 anos, na Oficina do Aprendiz, atendendo a população de Venda Nova.Também formada em Design pela UFMG. Atua no Cio da Terra - Coletivo de Mulheres Imigrantes, na equipe de comunicação e geração de renda.

    CLÁUDIO CASACCIA

    Jogo da Terra

    É arquiteto, permacultor e educador. Co-criador do Jogo da Carta da Terra, e dos jogos Reviravoltas Locais, Diálogos Com Vivência e Gentileza em Ação, tendo realizado várias oficinas em ambiente escolar, corporativo e em eventos públicos.

    Compõe o grupo que cria a ecovila Vilarejo Amaranto em Moeda.

    CLÉBER RODRIGUES

    #papsaude

    Dançarino e fisioterapeuta, especializando em gerontologia, idealista no projeto Arte e Prevenção (ou #papsaude) coletivo de voluntários da cidade de Santa Luzia. Trabalha com prevenção na área da saúde de idosos carentes no Palmital e São Benedito. Pesquisador da importância do exercício físico na qualidade de vida de idosos ativos do município, bem como a importância de políticas públicas voltadas para a prevenção na saúde do idoso em u.a cidade Carente como Santa Luzia.

    LUCIANA OLIVEIRA

    Terapia Integrativa​

    Terapeuta de práticas integrativas: coach, reiki, psicodrama, cromoterapia, Aromoterapia, fitoterapia e Floral F Core. Iniciou seu trabalho em 2004 com o Planejamento e Desenvolvimento Cultural e Humano despertando o seu olhar ao Ser e suas necessidades físicas e emocionais. Desde então, vem desenvolvendo trabalhos e estudos com o intuito de acolher o indivíduo ou grupo para reconhecimento de suas potencialidades, equilíbrio, saúde física e emocional

    RAFAEL XAVIER

    Gerasol

    Rafael Xavier é Geógrafo pela UFMG e Técnico em Aquecimento Solar pela Associação Sociedade do Sol da USP. Coordenou, de 2009 a 2014, o projeto de extensão da Universidade Federal de Minas Gerais denominado "Disseminação Popular da Energia Solar", capacitando mais de 5.000 multiplicadores da tecnologia social ASBC - Aquecedor Solar de Baixo Custo. Especialista no ensino da fabricação, montagem e instalação do ASBC, já realizou 96 cursos e mais de 250 instalações deste aquecedor solar em Minas Gerais.

    PAULA CARDOSO

    Leal Sustentabilidade

    Empreendedora social, engenheira ambiental e administradora.

    Trabalhou durante 15 anos na área de gestão de negócios nas áreas de mineração e varejo. Em 2015 realizou uma transição de carreira para contribuir com a preservação do meio ambiente. Fundou a Leal Sustentabilidade e hoje trabalha com ações voltadas para educação ambiental, plantios de árvores e hortas, soluções para gestão de resíduos e controle de emissões de gases do efeito estufa.

    HANNA LIMA

    DANIELA CARVALHO

    Aldeia Jabuticaba

    Formada em Geografia, Dançarina e produtora cultural na Aldeia Jabuticaba. Trabalha na concepção de espaços e instalações que favoreçam o brincar livre, a liberdade artística e a ludicidade.

    BALÉ ARTE E CULTURA MADRE JOSEFÁ

    AMORA DE PÉ

    Uma banda de poesia ou uma trupe de amigos?

    Surgida sob os pés de amora da UFMG, a banda Amora De Pé já apresentou diversas formações. Entre cerne e alburno, muitos são os músicos e poetas que passaram pela trupe. Desta vez como um trio, o grupo apresenta repertório de muita sensibilidade e lirismo. A cada show, uma reinvenção e um convite à intimidade das palavras bem ditas. Gabriel Zocrato, Rogério dos Santos e Ana compartilham vocais, instrumentos e afetos

    ÊNIO REIS

    O Sermão da montanha

    Radialista e artista nas funções de ator, diretor, iluminador e trilha sonora. Iniciou carreira em 1979. Atualmente desenvolve o projeto de Profissionalização das artes cênicas de Santa Bárbara e região para consolidação do Pólo do Teatro Religioso nas cidades de Caeté, Barão de Cocais, Catas Altas e Santa Bárbara

    CLÉBER ÁVILA

    Jesus Cristo

    Nascido no distrito de Florália, em Santa Bárbara, é ator com atuação no teatro e também no cinema, participou do curto Sigilo S/A

    MARI MOREIRA

    Trabalho colaborativo como forma de promover uma sociedade melhor, empoderar comunidades locais e fomentar a preservação do Patrimônio Natural e Cultural.​

    Socióloga e arqueóloga. Faz parte da Associação Nossa Cidade, é curadora da Awesome Fundation, diretora financeira do Observatório Espeleológico e credora da Kiva. Atua com concepção e execução de projetos e ações focados em transformação socioambiental e com apoio ao empoderamento de grupos da sociedade civil.

    E VOCÊ?

  • Local

    Centro de Referência da Juventude

    Rua Guaicurus, 50 - Centro, Belo Horizonte - MG

     

    04 a 06 de abril

  • Realização

    ASSOCIAÇÃO NOSSA CIDADE

    REVIRAVOLTAS LOCAIS

  • Apoio e participação:

  • Comunicação

    Informações para imprensa e outros veículos de comunicação

    ×
    fsdfsdf